Oncologia multidisciplinar humaniza tratamento

Cuidar de pessoas e não de uma patologia. Esse é o foco dos mais modernos tratamentos de oncologia, cuidando de pacientes oncológicos com uma abordagem individualizada e humanizada.

Referência na Baixada Santista no trato qualificado de vários tipos de câncer, a equipe do Instituto de Oncologia do Hospital Ana Costa busca, por meio de uma oncologia multidisciplinar humanizada, amenizar o sofrimento dos pacientes e familiares que passam pelos tratamentos de câncer.

Equipe Multidisciplinar

Várias especialidades atuam de forma integrada, trabalhando pelo bem estar e qualidade de vida dos pacientes. São profissionais de diversas áreas da saúde, especializados em oncologia, atuando para tornar a luta contra o câncer menos traumática.

Segundo a Coordenadora do serviço, a Oncologista Clínica Dra. Sueli Monterroso da Cruz, a equipe multidisciplinar do HAC busca agir de forma humanizada com os pacientes da Oncologia. “É um grupo diferenciado no contato e na resolutividade dos problemas. Mantemos uma relação o mais próxima possível com os pacientes e familiares”.

Dra. Sueli coordena a equipe formada por 2 psicólogas, 1 fisioterapeuta, 1 nutricionista, 2 farmacêuticas, 2 enfermeiras oncológicas, 6 técnicos de enfermagem, 2 copeiras, 2 profissionais de higienização, 6 colaboradores da equipe administrativa; que atuam em conjunto com a equipe médica, composta por 4 oncologistas clínicos, 3 médicos residentes em oncologia clínica, 3 mastologistas, 1 onco-ortopedista, 1 cirurgião oncológico e 1 hepatologista.

Protocolo

Logo após o diagnóstico, os pacientes visitam todas as instalações do Instituto. “Eles conhecem o local antes de iniciar o tratamento, para sentirem-se seguros”, explica Dra. Sueli.

Em seguida, inicia-se o protocolo de atendimento multidisciplinar. Além do atendimento psicológico, os pacientes são encaminhados à nutricionista, fisioterapeuta, farmacêutica e à enfermagem.

Os atendimentos acontecem no próprio Instituto, onde esses profissionais atuam diariamente, buscando dar aos pacientes, qualidade de vida e bem estar durante o tratamento.

Eventos e Ações

Momentos de descontração são fundamentais para quem está passando por um tratamento invasivo e doloroso. Por isso, várias ações acontecem durante o ano no Instituto de Oncologia do HAC, buscando envolver e acolher a todos, levando aos pacientes e familiares um pouco de conforto.

Uma das ações é a Música na Onco, quando toda última sexta feira do mês o Instituto proporciona uma tarde de música clássica, recebendo a visita de dois musicistas.

Há também as apresentações do Coral Canto, que visitam o Instituto em datas especiais, como Outubro Rosa, Dia das Mães e Natal. Alguns integrantes do Coral já foram pacientes oncológicos e hoje levam aos que estão em tratamento, a alegria da cura em forma de música.

Atendimento Integrado

Dentro dessa filosofia, é imprescindível alinhar a comunicação entre todos os profissionais engajados no tratamento. Por isso, no HAC, todos os casos são discutidos em reuniões multidisciplinares semanais.

Farmácia

Na farmácia de manipulação própria, uma capela de fluxo laminar biológica possibilita a manipulação in loco dos medicamentos, todos de referência. Em ambiente estéril e dotado de filtro absoluto, os medicamentos são manipulados por farmacêuticos especializados na área oncológica, garantindo maior autonomia no agendamento das sessões de tratamento.

Serviço Social

Quando necessário, a equipe de Serviço Social intervém, cuidando de detalhes e agindo no que for preciso para solucionar questões que envolvam pacientes e familiares.

É o caso, por exemplo, de pacientes que vivem sozinhos ou que possuem familiares distantes. Nesses casos, o Serviço Social atua para localizá-los.

Assistência 24 horas

Emergências ou mesmo dúvidas quanto à alimentação e aos sintomas são comuns durante o tratamento de câncer. Com o plantão telefônico oncológico 24 horas, os pacientes são atendidos por um médico da equipe da oncologia a qualquer hora do dia e da noite, recebendo orientações individualizadas.

Acolhimento e aceitação

Para a Dra. Sueli, o acolhimento faz toda a diferença na vida dos pacientes e familiares. “Eles se sentem como pessoas e não como pacientes”.  A psicóloga Deolinda acrescenta que a humanização auxilia no processo de aceitação. “Buscamos respeitar a vontade e as necessidades do paciente. O sofrimento pode, sim, ser compartilhado e, quando dividido, pesa menos”.

Apoio psicológico

Além das mudanças físicas, as alterações também necessitam de atenção. Tratar o bem estar mental é o trabalho da equipe de psicologia, que dá suporte diário aos pacientes internados, ambulatoriais e também aos familiares. “O ser humano precisa se sentir cuidado e querido. A humanização está nos detalhes”, ressalta a psicóloga clínica e psico-oncologista, Deolinda Fernandes Matos da Silva.

O contato do paciente com a psicóloga inicia-se logo após a primeira consulta médica de diagnóstico. “O acompanhamento psicológico acontece durante e também após o tratamento, em consultas, durante as sessões de quimioterapia ou até mesmo com atendimentos emergenciais”, afirma a psicóloga.

Utilizando o modelo de atendimento biopsicossocial, os cuidados são centralizados no bem estar do paciente. “Não é só o remédio que trata. Assim, o paciente se sente cuidado”, completa Deolinda.

Cuidar de quem cuida também é o papel da psicologia oncológica. Por meio do projeto ‘Espaço Acolher’, a equipe atende os profissionais de saúde que atuam no Instituto de Oncologia.

Quimioterapia

As aplicações de quimioterapia acontecem com materiais modernos para infusão e em espaços individualizados, com internet, MP3 e televisão à disposição, garantindo a segurança e proporcionando maior conforto aos pacientes.

Tanto aos pacientes ambulatoriais quanto aos internados, o atendimento é imediato, conforme prescrição médica.

Estrutura

O espaço físico ambientado com cores claras e imagens da natureza busca proporcionar serenidade aos pacientes, sendo ferramenta complementar ao tratamento. “Eles sentem que aqui temos um ambiente de paz”, afirma Deolinda.

Oncopediatria

O Instituto de Oncologia do HAC passa a contar com um novo serviço: a Oncopediatra, especialidade que cuida exclusivamente dos cânceres infantis. Oferecendo tratamento oncológico para crianças entre 0 a 18 anos, nos mais diversos tipos de cânceres, a Oncopediatra realiza a quimioterapia infantil, com toda a estrutura necessária para o diagnóstico e o moderno tratamento dos pequenos pacientes.

Cardiologia